A corrida foi árdua: escolher o melhor bairro, visitar decorados, conferir as obras dos empreendimentos, pesquisar sobre a construtora… Mas chegou a hora em que, provavelmente, você mais precisará de fôlego: a negociação do apartamento.

Afinal, se você quer economizar na compra do apartamento que tanto correu atrás para escolher, precisará se atentar a alguns detalhes que fazem toda a diferença na conversa com o vendedor e a construtora. Quer saber quais detalhes são esses? Confira o post que fizemos sobre o assunto e consiga o melhor preço possível para concretizar seu sonho!

 

1. Não negocie no calor da emoção

É mais comum do que você pensa: as emoções podem interferir de forma negativa na sua compra. Se você gostou do apartamento e deseja comprá-lo, não o faça no primeiro momento. É sempre mais viável para você (e para seu bolso, inclusive) pesquisar e comparar taxas de juros, facilidades no financiamento, taxas grátis e outras vantagens.

Por isso, antes de correr e fechar uma negociação, arme-se de tudo que for possível para que, na hora certa, você consiga negociar com embasamento. Dessa forma, as chances de conseguir fazer uma boa negociação do apartamento são bem maiores.

 

2. Não tenha vergonha de pedir desconto

Há quem peça desconto pra tudo, mas também existem os que preferem pagar um pouco mais para comprar algo de seu interesse por vergonha de pedir desconto. Não seja essa pessoa! Além de sair perdendo dinheiro, você está abrindo mão de uma quantia que pode servir muito num futuro próximo ou, ainda, neste momento mesmo.

Na maioria dos casos, as construtoras já precificam o apartamento de modo a que esse valor seja negociado. Entretanto, não seja tão afobado: a margem é de aproximadamente 10% do valor total. Por isso, na hora da negociação do apartamento, vá com esse valor em mente para tentar barganhar a compra.

 

3. Leve folhetos de apartamentos mais baratos com estrutura similar

Se você seguir o primeiro conselho à risca, certamente terá materiais de divulgação de outros empreendimentos. Não os jogue fora: eles podem servir para que você argumente o desconto do imóvel com o corretor e a construtora. Com os folhetos em mãos, você poderá argumentar com dados concretos. Certamente isso fará com que a negociação seja favorável a você.

 

4. Use o valor da entrada para conseguir um desconto maior

Se você conseguiu acumular uma boa quantia para dar entrada no imóvel, use isso como argumento na negociação do apartamento. Afinal, quanto maior o valor da entrada, mais dinheiro irá diretamente para a construtora, assim como para o corretor. Isso funciona para qualquer compra: quanto menos rodeios o dinheiro der, menos a empresa gasta com burocracia. Isso pode ser convertido em um valor menor.

 

5. Explique o porquê de estar pedindo a negociação do apartamento

Negociação do apartamento - aperto de mãos

Foto: rawpixel.com / Pexels

Apenas reforçando o que já foi exposto, você deve se impor na negociação. Mas não de qualquer jeito: é preciso ter embasamento sólido e convicção de que você tem razões lógicas para obter esse desconto. Por isso, vá munido com as razões pelas quais você deve obter a redução no preço do imóvel em questão. Dessa forma, ficará mais fácil consegui-lo.

O que achou das dicas? Caso tenha te ajudado, compartilhe com outra pessoa que também está em processo de compra de um apartamento e se ajudem! Além disso, se quiser continuar recebendo notícias, novidades e ofertas do mundo Aljos, inscreva-se em nossa newsletter!